Lula acusa juíza federal Gabriela Hardt de "parcialidade"

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva também acusou a juíza federal Gabriela Hardt de parcialidade, em alegações finais na ação penal em que é acusado de supostas propinas envolvendo as obras do Sítio Santa Bárbara, em Atibaia (SP). No documento de 1.643 páginas, o ex-presidente nega ter recebido vantagens indevidas e afirma ser vítima de perseguição política. A defesa também não poupou a substituta de Moro de acusações. Os dez advogados que assinam a peça afirmam que "não obstante a troca do órgão julgador", Lula "permanece sendo processado de forma parcial os defensores ainda anexaram às alegações finais de Lula a foto da primeira dama Michele Bolsonaro vestindo uma camiseta com uma frase dita pela juíza ao ex-presidente, no início de seu último interrogatório


Leia mais https://www.terra.com.br/noticias/brasil/politica/lula-acusa-gabriela-hardt-de-parcialidade,bb1ca9645a49cc8d19418cc44ed09acerwcke9gg.html

7 visualizações

Gostou da leitura? Doe e ajude-nos a fornecer notícias e análise para os leitores.

1LAdqqf4PqraX8ZxqMjirnWoE6XR7vX5Nm

0x155a69970abb497231fc437ad05365c6962f4e4e

  • Telegram
  • Instagram
  • Youtube
  • Reddit
  • Facebook Politizei
  • WhatsApp
  • Twitter
  • Gmail

© 2023 por "EXL CAPITAL ANTIFRAGIL TECNOLIGIA DA INFORMACAO LTDA"